Untitled Document
SEXTA-FEIRA, 24 DE MAIO DE 2024
25 de MARÇO de 2024 | Fonte: Campo Grande News

Mato Grosso do Sul é o Estado que mais elegeu mulheres no Senado, diz pesquisa

Mato Grosso do Sul é o estado brasileiro que mais elegeu mulheres no Senado Federal. Em 200 anos de história, que serão completados nesta segunda-feira (25/03), quatro sul mato-grossenses foram eleitas senadoras: Marisa Serrano (PSDB), Simone Tebet (MDB), Tereza Cristina (PP) e Soraya Thronicke (Podemos).

 

Esse levantamento é parte da pesquisa do cientista político Robson Carvalho, doutorando da UnB (Universidade de Brasília).

 

Desde a redemocratização até a última eleição, 407 mandatos foram disputados, deste apenas 44 vagas foram ocupadas por mulheres, segundo pesquisa do cientista político. O levantamento mostra como o Senado ainda é dominado por homens influência das famílias tradicionais na política.

 

Atrás de Mato Grosso do Sul estão os estados de Sergipe (SE) e do Rio Grande do Norte (RN) elegeram mulheres três vezes. De acordo com o cientista político a região com maior representatividade é o Nordeste, com 13 mulheres eleitas, seguido pelo Norte, com 12 senadoras e Centro Oeste, com 10 mulheres eleitas. O Sudeste e Sul possuem a menor representatividade na história do Senado com 5 e quatro mulheres eleitas, respectivamente.

 

O número de destaque de Mato Grosso do Sul, que soma 10% do total de mulheres já eleitas no Senado, chama ainda mais atenção, porque diferente da Câmara dos Deputados, em que as vagas são proporcionais a população, no Senado todos os estados possuem a mesma representatividade, com três parlamentares cada.



Untitled Document
Últimas Notícias
Anvisa adia para sexta debate sobre cigarro eletrônico
Mega-Sena acumula novamente e prêmio vai a R$ 72 milhões
Invicto há sete jogos e em boa fase, Palmeiras volta a Barueri para duelo com o Inter
Untitled Document