Untitled Document
SEXTA-FEIRA, 25 DE SETEMBRO DE 2020
02 de ABRIL de 2020 | Fonte: FIEMS/DICOM

Escola do Sesi de Naviraí usa a tecnologia para garantir aprendizagem dos alunos

Professores disponibilizam atividades por meio de um aplicativo de comunicação entre pais e alunos e equipe pedagógica.
Foto: Divulgação

Com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Escola do Sesi de Naviraí “dribla” os obstáculos e segue com suas atividades, utilizando a tecnologia para realização das aulas, reduzindo as distâncias e facilitando a aprendizagem dos alunos. Cada um dá sua casa consegue acessar todo o conteúdo e os professores disponibilizam atividades por meio de um aplicativo de comunicação entre pais e alunos e equipe pedagógica.

 

Segundo a diretora Paula Nudimila de Oliveira Silva, de 23 de março a 4 de abril, as aulas estão sendo realizadas de modo diferenciado. “Objetivo é garantir a aprendizagem dos nossos alunos em meio a tudo que está ocorrendo em nosso País. A escola utiliza-se de ferramentas e metodologias de ensino que já faziam parte da rotina dos alunos e mobilizou toda equipe na construção de ambientes virtuais de aprendizagem, garantindo que eles continuem com suas rotinas de estudo sobre a supervisão dos profissionais da instituição”, pontuou.

 

Os professores selecionam as atividades que os alunos devem realizar e todo o conteúdo é direcionado aos estudantes e familiares por meio da Agenda Online, um canal de comunicação entre alunos, pais e escola. Para que os alunos não ficassem sem as aulas presenciais, foram criadas salas de aulas virtuais por meio das ferramentas da Microsoft em que os professores apresentam o conteúdo, tiram dúvidas e ainda deixam tudo gravado para posterior consulta, além de ter relatório de toda as atividades realizadas.

 

Também são utilizadas plataformas de aprendizagem virtuais para o Ensino de Língua Portuguesa, Matemática, Cursinho personalizado virtual, atividades com inteligência artificial, plataformas de programação e muito mais. Desse modo as aulas continuam a todo vapor e os alunos acompanhando tudo da sua casa, além do desenvolvimento da sua autonomia e das inúmeras aprendizagens virtuais.

 

“No início foi um grande desafio para nós, até parecia algo distante da nossa realidade. No entanto, somos uma escola tecnológica, trabalhamos com robótica, trabalhamos com programação, com plataformas virtuais de aprendizagem e nos adequamos muito rapidamente a esse momento. Tudo está sendo um grande aprendizado para todos nós”, reforçou Paula Nudimila.

 

O professor Eduardo de Barros Nunes Pereira, que leciona a disciplina de Língua Inglesa, ressalta que, devido à pandemia do Covid-19, a Escola do Sesi de Naviraí continuou seu serviço com presteza. “Através do uso de várias plataformas de ensino, como o Geekie LAB, Letrus, Duolingo, Socrative, entre outras, está sendo possível a realização de atividades a distância. Nós, professores da Escola do Sesi, nos prontificamos a solucionar as dúvidas dos alunos por meio de webconferências em tempo real. Apensar da quarentena e do distanciamento social, nós aceitamos o desafio e estamos fazendo o possível para que nossos alunos continuem com seus estudos”, disse.



Untitled Document
Últimas Notícias
Pedidos de seguro-desemprego caem 9,3% na primeira metade de setembro
Receita Federal abre nesta quarta-feira consulta ao 5º lote do IRPF
Como será o clima durante a primavera em Mato Grosso do Sul
Untitled Document