Untitled Document
TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2019
19 de SETEMBRO de 2019 | Fonte: Assessoria

Com 15.877 pessoas vacinadas este ano, Naviraí descarta surto de gripe Influenza

Em 2019 foram registrados 330 casos suspeitos de gripe em Naviraí, destes, 83 deram positivos e três pessoas vieram a óbito.
Wellington Santussi, gerente de Saúde de Naviraí (Foto: Divugação)

O gerente de Saúde da Prefeitura de Naviraí Wellington Santussi está tranquilizando a população e descarta a existência de surto da Gripe Influenza. “Já vacinamos 15.877 pessoas este ano contra a gripe”, afirmou Santussi.

 

Wellington explicou que surto é “uma situação inesperada que em sua maioria se concentra num determinado local ou região e que foge do controle”.

 

Em Naviraí, segundo ele, o que ocorre é uma sazonalidade, algo temporário que é típico daquele período ou estação que tem seu período de início e fim. Do início do ano ate agora foram registrados 330 casos suspeitos de gripe, destes, 83 deram positivos e três pessoas morreram.

 

“Nestes casos das vítimas fatais deixaram pra procurar apoio e assistência médica tardiamente e mesmo assim foram feitos todos os procedimentos necessários para que a vida destas pessoas fosse mantida, mas sem sucesso, devido ao estado agravante da doença”, explicou Santussi.

Mais de 15.800 pessoas pertencentes aos principais grupos de risco foram vacinadas este ano em Naviraí (Foto: Folha de Naviraí/Jr Lopes)

“É importante que no primeiro sintoma de gripe a pessoa procure ajuda médica e não se automedique, para que seja feito de forma rápida e eficaz o tratamento”, explicou o gerente, acrescentando que “tem remédio na farmácia municipal sim, diferente do que estão publicando nas redes sociais para o tratamento que é o Tamiflu que é disponibilizado pelo Governo do Estado, que em momento algum nos deixou desabastecidos”.

 

Santussi afirmou que dos 80 pacientes que procuraram atendimento em tempo hábil estão todos bem, saudáveis e junto dos seus familiares seguindo suas vidas normalmente. “Nos primeiros sintomas procurem ajuda médica no posto do bairro ou no Hospital Municipal, pois há uma comissão de tratamento na unidade hospitalar”, disse.

 

Sobre as vacinas Wellington Santussi afirmou “que todo procedimento estipulado pelo Ministério da Saúde é cumprido à risca e que todos os grupos de riscos foram imunizados, não houve falta de vacinas como propagado e que já foram vacinadas este ano 15.877 pessoas pertencentes aos principais grupos de risco”, conclui.



Untitled Document
Últimas Notícias
Mato Grosso do Sul tem 944 oportunidades de emprego nesta segunda-feira
Escola do Sesi de Naviraí é premiada com medalha de ouro na etapa nacional da Mostra Brasileira de Foguetes
Brasil vira sobre o México e é campeão do Mundial Sub-17
Untitled Document